Profissão docente: contribuições da formação continuada no espaço da escola

Célia de Fátima Rosa da Veiga, Gilberto Ferreira da Silva

Resumen


Neste artigo se discute a importância da formação continuada e suas contribuições aos profissionais da educação em exercício, tendo em vista as modificações no ser e fazer pedagógico. No intuito de atender as necessidades que imperam em relação à formação docente no meio educacional e na sociedade, buscou-se dialogar com autores que abordam a formação continuada como um processo de capacitação ao profissional da educação, dentre os quais se destacam Freire (1997), Tardiff (2002) e Nóvoa (2007). Este estudo de cunho qualitativo é resultado de uma pesquisa que se amparou nos princípios metodológicos da pesquisa documental. Tomou por base empírica para a realização das análises o “parecer” produzido pelos professores que vivenciaram a formação continuada em uma escola de Educação Básica. A análise dos pareceres indicou, entre outros aspectos, que: a proposta de formação continuada do cotidiano, retratando o contexto escolar, com suas urgências, necessidades e projetos estimulam a dinamização e o aprimoramento das práticas da escola. Isso sugere a criação de espaços, nas reuniões regulares de formação, para tratar do que é rotina, seja com sucessos, seja com interferências que exigem maior atenção e diálogo. Outro aspecto diz respeito à formação centrada na escola, que acabou por produzir mudanças significativas na vida profissional e pessoal dos professores, dentre as quais destacamos o comprometimento com o processo educativo e a melhoria da qualificação das relações entre os profissionais no ambiente escolar.


Texto completo:

PDF


DOI: https://dx.doi.org/10.17561/reid.n21.2

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.



  

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional