Uso do Software HagaQuê como apoio na produção textual aos alunos com déficit cognitivo

  • Maria Selma Cavalcante de Sousa Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)
  • Lourena Sousa dos Santos Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)
  • Lucas Sousa dos Santos Universidade Federal de Roraima, Roraima, (Brasil)

Resumen

Esta pesquisa resulta da observação realizada na sala de recursos do Centro de Atendimento Especializado Boa Vista / RR com alunos com Déficit Cognitivo atendidos na sala de recursos multifuncionais do Centro de Atendimento Especializado Boa Vista / RR. Com este trabalho, pretendemos apresentar reflexões sobre o uso de softwares educacionais voltados para a produção de texto HagáQuê com alunos com com prometimento cognitivo. O trabalho esta dividido pela introdução, define o problema, os objetivos e a estrutura do trabalho. Na sequência, apresentamos os fundamentos teóricos, que são a revisão da literatura. Na metodologia da pesquisa, optamos por um modelo qualitativa e descritiva. Como instrumento de coleta de dados, foi elaborada e apresentada na análise dos resultados uma lista de observação com critérios e indicadores. Após a análise, concluímos que os resultados obtidos responde à questão principal da pesquisa: como o software HagáQuê pode ser considerado uma ferramenta de apoio à leitura e produção de gibis para alunos com déficits cognitivo. Portanto, a presente investigação conclui que os resultados foram bastante satisfatórios, mesmo entendendo que obstáculos, como a dificuldade decorrente do déficit cognitivo dos alunos, são um obstáculo para a obtenção de um aprendizado completo, porém, ficou claro na pesquisa que os alunos podem ler e produzir textos em quadrinhos usando o software HagáQuê.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor/a

Maria Selma Cavalcante de Sousa, Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)

Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)

Lourena Sousa dos Santos, Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)

Universidade Estadual de Roraima, Roraima, (Brasil)

Lucas Sousa dos Santos, Universidade Federal de Roraima, Roraima, (Brasil)

Universidade Federal de Roraima, Roraima, (Brasil)

Citas

Ausubel, D.P.(1969). Readings in school learming. London: Holt, Rinehart and inston.

Brasil (1994) Declaração de Salamanca e Linha de Ação sobre Necessidades Educativas Especiais. Brasília: Coordenadoria Nacional para Integração da Pessoa Portadora de Deficiência.

Brasil (2008) Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília: Secretaria de Educação Especial/MEC.

Freire, P., y Faundez, A. (2002) Por uma pedagogia da pergunta. 5. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Gesueli, Z.M. (2004). A escrita como fenômeno visual nas práticas discursivas de alunos surdos. In: Lodi, A.C.B., Harrison, K.M.P., Campos, S.R.L. Leitura e escrita no contexto da diversidade. Porto Alegre: Mediação.

Mantoan, M.T., Pietro, R.G., y Arantes,V.A. (Org.). (2006). Inclusão escolar: pontos e contrapontos. São Paulo: Summus.

Raiça, D. (2006). 10 Questões sobre a educação inclusiva da criança com deficiência mental. São Paulo: Avercamp.

Rodrigues, C. (2009). Mente estimulada. Revista Nova Escola, no 223. São Paulo: Abril.

Vygotsky, L.S. (1991). Pensamento e Linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

Vygotsky, L.S. (1986). A formação Social da Mente. São Paulo: Martins ontes.

Sampieri, R.H.C., Carlos, F.L., y Pilar, B. (2008). Metodologia de La Investigación. 4 ed, Mexico: McGrawHill.

Publicado
2020-06-01
Cómo citar
Cavalcante de Sousa, M. S., Sousa dos Santos, L., & Sousa dos Santos, L. (2020). Uso do Software HagaQuê como apoio na produção textual aos alunos com déficit cognitivo. Revista Internacional De Apoyo a La inclusión, Logopedia, Sociedad Y Multiculturalidad, 6(2), 69-83. https://doi.org/10.17561/riai.v6.n2.6
Sección
Artículos de investigación